[ editar artigo]

Coisas que Irritam Mulheres de Negócios

Por Gladis Costa

Há algum tempo realizei uma pesquisa entre as associadas do grupo Mulheres de Negócios do LinkedIn. A pergunta era a seguinte: “O que irrita você no ambiente de trabalho e o que você faz para resolver o problema?” Compilei aqui algumas respostas que achei interessantes:

√ A famosa carteirada, aquela decisão tipo “top-goela-down” – tem que ser assim “porque quem manda aqui sou eu”, sem argumentos. Bom, a solução, de acordo com as respostas apresentadas é não ter chefe, porque poder de decisão o chefe sempre vai ter, mas como muitas de nós temos um chefe formal, a negociação é a melhor saída. Com calma, no momento certo, pois a hora em que os ânimos estão exaltados nunca é uma boa, porque a panela pode explodir.

Fonte da imagem: Google

√ Falta de comprometimento – normalmente demonstrada por aquela pessoa que chegou na empresa pelo QI, (quem indica). As coisas para esta pessoa são fáceis, não há batalha, não há interesse em lutar, se empenhar, porque alguém tá segurando a onda. Isto me lembra da história do jabuti. Alguém chega numa empresa e vê um jabuti numa árvore bem alta. “Ora, vamos tirar o jabuti daquela árvore”, esta pessoa dirá. Acontece que jabuti não sobe em árvore, então, é uma questão de tempo. O jabuti pode acabar caindo porque não aguenta o peso da responsabilidade. Paciência.

√ Gente sem conteúdo! Sabe aquela pessoa que não lê um jornal, não sabe o que está rolando no mundo, não ouve rádio, não assina uma newsletter, poxa, é grátis! Custa se envolver um pouco com as questões que estão mexendo com o mundo? Principalmente com informação ligada ao seu “business”? Num mundo onde toda a informação está a um browser de nosso dedo, será que é demais querer que as pessoas saibam um pouco do mundo que nos rodeia? O que fazer?

Mande uns links interessantes e diga que esta newsletter ou este site é muiiiiiiiiiiiito legal! Quem sabe, a pessoa até acaba aceitando sua sugestão!

√ Gente que interrompe uma reunião para pedir ou perguntar algo que poderia aguardar um momento mais adequado. Será que tudo é urgente ou a urgência é nossa e os outros que se danem, estejam com visitas, em reunião com fornecedor, com funcionários ou terminando algum relatório importante. Priorizar o trabalho dos outros é sinal de respeito. Entrar sem bater também não é bem-visto entre as que responderam a pesquisa.

√ Pessoas que só apresentam problemas, mas nunca trazem a solução. Lembro que alguém disse brincando, claro, que não queria ouvir só a problemática, mas queria também a “solucionática”. Ao apresentar um problema, devemos sempre tentar apresentar possíveis alternativas. Isto agiliza o processo e mostra proatividade, sinaliza que você pensou no assunto, não delegando ao outro a responsabilidade pela solução do problema.

E você, o que te irrita no trabalho? Como você resolve?

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você