[ editar artigo]

Contratar e comprar: Fique de olho!

Por Camila Fernandes

A  verdade  é  que,  tão  importante  quanto  comprar  as  roupas  certas  para a  vida  que  você  tem  e  os  eventos  que  precisa  ir,  é  saber  contratar  as pessoas  certas  para  ajudá-la  a  colocar  seu  negócio  para  frente.  A  gente começa assim: tem uma ideia, coloca ela na vida real, experimenta muito, aprende  com os  erros,  experimenta mais  e, por  fim,  começa  a  ver que  as coisas  estão  caminhando  no  rumo  certo  e  que,  sozinha,  você  não  vai  dar conta. É preciso dividir as  responsabilidades e assim  também ganhar mais conhecimentos, novos pontos de vista.

Eu ainda não precisei contratar ninguém para me auxiliar no meu negócio, mas  acredito  que  quem  já  passou  por  isso  (ou  está  passando)  sabe  da importância  dessa  etapa.  Contratar  pessoas  que  nada  tem  a  ver  com  a bandeira  que  você  defende  é  um  desperdício  de  tempo  e  dinheiro.  Afinal, quando  a  pessoa  não  está  engajada  de  corpo  e  alma,  ela  não  se  dedica tanto,  e  aí  é  certeza  que  as  chances  de  crescimento  serão  bem  menores do  que  poderiam  ser  se  todos  os  funcionários  estivessem  devidamente conectados com a ideia.

Fonte da Imagem: Minhimalism via Compfight

Nessa  hora  H,  ter  paciência  e  disponibilidade  para  ouvir  os  candidatos  a funcionário  é  tão  importante  quanto  ter  tempo  e  paciência  para  comprar as  roupas  certas  (seja  para  qual  ocasião  for).  Toda  decisão  tomada com  rapidez  e  sem  o  mínimo  de  análise  (por  impulso,  sabe?!)  tem altíssimas  chances de  ter um  resultado negativo. Exemplos:  o  vestido que custou ‘horrore$$$$$$’ e que será usado uma única vez; o funcionário que não  tem  a  responsabilidade  de  chegar  no  horário  certo  e  sempre  deixa os  clientes  esperando;  a  calça  jeans  que  você  não  experimentou  direito e  que  só  percebeu  que  as  costuras  da  perna  estavam  super  tortas  depois de ter retirado as etiquetas de troca; ou aquele  funcionário que tem ideias totalmente contrárias ao perfil da empresa (sua empresa é de reciclagem e o cidadão  joga o papel no chão do pátio da empresa).

Então,  não  tem  segredo,  minha  gente:  tempo,  pesquisa  e  paciência  são mais  do  que  essenciais  quando  o  assunto  é  contratar  e  comprar.  Sabe  o ditado: “O barato pode sair caro”? Lembre-se sempre dele.

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você