[ editar artigo]

Direcionamento já!

Desde que me entendo por gente sempre fui uma pessoa acelerada, ou, como dizem, “ligada na tomada de 220 volts”. Sempre abracei várias atividades ao mesmo tempo, com sede de experimentar, adquirir conhecimento, crescer. No entanto, aos poucos fui percebendo que tudo tem um tempo para acontecer e que, principalmente, o nosso corpo pode dar sinais desagradáveis se não nos cuidarmos.

Fonte da imagem: Empreendedorismo Rosa

Em meio a toda essa reflexão que estou vivendo, semana passada em um curso o professor comentava sobre a importância de direcionarmos esforços para um objetivo profissional principal, que reverbere em diferentes áreas, afinal, segundo ele, não dá pra ficar o resto da vida “varrendo folhas na ventania”. Senti que aquele pensamento era pra mim, e pensando que outras pessoas podem estar atravessando essa fase, decidi pesquisar formas de otimizar a minha rotina e, mais do que isso, compartilhar aqui no portal. Seguem algumas dicas de ações que estou tentando implementar, espero que elas nos ajudem:

1- Reflita sobre você – Em meio à correria do dia a dia sobra pouco tempo para refletir, às vezes nenhum; no entanto, para tomar decisões mais assertivas e não cometer erros repetidas vezes, separe um tempo pra você. Busque identificar quais são os seus pontos fortes, de que forma você os utiliza ou deixa de utilizá-los, quais são as atividades que te dão prazer , quanto tempo você dedica a elas e qual é o custo benefício das mesmas (tempo investido x retorno obtido). Muitos estudiosos dizem que na vida profissional precisamos saber um pouco de tudo, mas também tudo de alguma coisa. Com base nisso, pergunte-se a si mesmo: de todos os universos no qual eu trafego, qual é aquele no qual eu posso me aprofundar e ser uma especialista?

2-Determine claramente quais são seus objetivos - Depois de identificar a sua atuação central e a área em que você quer se especializar, é hora de pensar a médio e longo prazo para não ser “engolido” pelas atividades e ver o tempo passar sem atingir o que você quer. Por isso, reflita: Como eu quero estar daqui a alguns anos? O que eu quero alcançar? Como eu quero que as pessoas me vejam?

3- Com base nos seus objetivos, liste as competências e recursos que você precisará para atingi-los – Para atingir os objetivos é preciso se capacitar e definir metas. Nesse momento, reflita quais são os seus pontos fracos e como você pode transformá-los em pontos fortes. Para isso, crie lembretes e institua hábitos diários que te proporcionem crescimento. Por exemplo, eu sei que preciso melhorar minha organização; sei que uma planilha pode me ajudar nisso, por mais que eu não goste.  Além de otimizar os seus hábitos, determine os recursos financeiros que você precisará para realizar os objetivos, listando ações práticas para atingí-los, como economizar uma quantia x por mês.

4- Saiba declinar e recusar o que não contribuirá para o alcance dos objetivos que você estipulou  - Saber dizer não é uma tarefa difícil, mas muito importante. Lembrete mental pra mim e pra você: “Não dá para abraçar o mundo”.

6- Reavalie constantemente suas ações e, se necessário, mude – Estamos em constante evolução e ninguém sabe o dia de amanhã; por isso, reflita constantemente sobre suas ações e decisões. Não está feliz? Para tudo dá-se um jeito, mudanças são possíveis e necessárias!

7- Busque manter a qualidade de vida – Mais um lembrete mental: equilíbrio é fundamental. Tenho dito pra mim mesma que infelizmente o dia não tem 40 horas e precisamos arrumar tempo para trabalhar, ficar com a família, ver os amigos, fazer uma atividade física, se distrair e dormir. Como fazer isso? Organize uma agenda realista com os seus horários e separe tempo para todos esses universos.
Boa sorte pra nós!

Tainah Veras é empreendedora de uma Consultoria de Conteúdo voltada para pequenas empresas e tem como estímulo profissional adquirir e transferir conhecimentos que permitam aproveitar os desafios de forma criativa para transformá-los em oportunidade. Formada em Comunicação Social pela UNESP,  pós-graduanda em Marketing e Comunicação pelo INPG e aluna especial do mestrado de TV Digital da UNESP, tem experiência de 1 ano na França como embaixadora do Rotary, diversos cursos na área de Comunicação, e escreve para os portais “Implantando Marketing”, “Alma  do Negócio”, “Imagem Pessoal”, “Blog da Lecom” e "Empreendedorismo Rosa".

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você