[ editar artigo]

Elas por Eles - José Luis Tejon

Quem fala em nossa coluna "Elas por Eles" de hoje, é um dos maiores exemplos de superação. Filho adotivo, não conheceu seus pais biológicos. Sua mãe, Benigna Tejon Megido, fugiu grávida para o Brasil, enquanto seu pai morreu nos cárceres da ditadura franquista, na Espanha. Foi adotado por um casal de imigrantes, o português Antônio Alves e a alemã Rosalinda Hoffmann. Aos 4 anos de idade, teve 100% de sua face destruída numa queimadura de 3º grau. Passou a infância e adolescência semi-internado em hospitais públicos. Iniciou seus estudos em uma escola para crianças excepcionais na Santa Casa de Santos. Hoje é publicitário, jornalista, palestrante, autor e coautor de 28 livros como “O voo do cisne”, “O Beijo na Realidade”, “A grande Virada – 50 regras de ouro para dar a volta por cima”, “Liderança para Fazer Acontecer”, “Gestão de Vendas – 21 Segredos do Sucesso”, em co-autoria com o doutor Marcos Cobra, entre outros. É presidente da TCA Internacional, com parcerias na Europa. É mestre pela Universidade Mackenzie, com especializações em Harvard, MIT e Insead e atualmente doutorando em Ciências da Educação. É professor de pós-graduação da Fundação Getúlio Vargas (FGV in company-São Paulo) e dirige o Núcleo de Agronegócio da ESPM. É também diretor vice-presidente do Conselho Científico para a Agricultura Sustentável (CCAS), comentarista da Rádio Estadão ESPN e articulista em diversas publicações. Venceu o “Top of Mind de RH Estadão”, de 2011/12, e foi novamente indicado ao prêmio de 2012/13. Uma vez por mês, Tejon se apresenta com sua banda Dinossauros Rock Band no Dinossauros Rock Bar. Foi diretor do Grupo do jornal O Estado de S. Paulo por 18 anos e CEO da Oesp Mídia; diretor do Grupo Agroceres e da Jacto.

Fonte da imagem: Arquivo pessoal do autor

Se NÃO conseguirmos admirar a essência de uma só rosa, não conseguiremos nem com 1 milhão de rosas. O segredo do negócio é prestar atenção e criar beleza e conteúdo a partir do que você já tem nas mãos . A mulher tem a sensibilidade, isso gera sustentabilidade e consequentemente a sensitividade. O empreendedorismo rosa precisa ser sensitivo, isso quer dizer, sentir antes para gerar soluções inovadoras, sempre surpreendentes e lucrativas.

José Luis Tejon

Site: www.tejon.com.br
Coluna Exame: Artigos publicados

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você