[ editar artigo]

Empoderamento encabeça a lista de palavras de 2016 no português

Por Empreendedorismo Rosa

Lista de buscas de termos em dicionários on-line obtida pela Gazeta indica um país mais politizado e preocupado com minorias

O dicionário britânico Oxford elegeu “pós-verdade” (post-truth) como o termo de 2016 na língua inglesa. Por aqui não se costuma fazer o mesmo. Mas há uma boa aposta para a palavra do ano no português: “empoderamento”. Para quem não sabe o conceito: qualquer ação coletiva para aumentar a consciência sobre direitos sociais e civis que levem à emancipação e superação da dependência ou dominação social e política. Ou simplesmente o ato ou efeito de dar ou conquistar poder.

“Empoderamento” é substantivo corriqueiro na boca de ativistas de movimentos em defesa dos direitos de mulheres e minorias. Mas, aos poucos, está deixando esse nicho – tal como essas lutas políticas. Caiu no vocabulário de mais gente. E foi parar nos dicionários.

“Pós-verdade” é eleita a palavra do ano pelo dicionário OxfordO mundo em dez palavras: os outros termos que concorreram na eleição da "pós-verdade"Artido de Caetano Galindo: Pós-verdade?

 

Fonte da Imagem: Belícia Blog Fonte da Imagem: Belícia Blog

Agora, “empoderamento” aparece no topo do ranking das palavras mais pesquisadas em 2016 na versão on-line do dicionário Aurélio disponível para professores e os 2 milhões de alunos, de 1 a 16 anos, matriculados em escolas que usam o sistema de ensino da Editora Positivo –responsável pela impressão do dicionário. Segundo a professora Luciana Panke, do mestrado em comunicação política da UFPR, o termo foi cunhado em 1995 pelas Nações Unidas para construir ou resgatar a dignidade das mulheres. E, a partir daí, se espalhou para a causa de outras minorias.

“Acho tão significativo ver ‘empoderamento’ no topo de uma lista no Brasil em 2016 quanto ‘post-truth’ como palavra do ano no Oxford English Dictionary”, diz Caetano W. Galindo, professor de Letras da UFPR e colunista da Gazeta do Povo.

A lista dos termos mais buscados no Aurélio on-line foi levantado a pedido da Gazeta do Povo, que procurou editoras de outros dicionários. A reportagem também obteve resposta do Caldas Aulete – este disponível gratuitamente na internet e acessível a mais pessoas.

A relação dos termos mais procurados em ambos dicionários tem um forte componente político – num ano em que o Brasil passou por eleições municipais e um processo de impeachment; e o mundo viu a ascensão de políticos com ideias extremistas e xenófobas.

“É possível perceber que a busca por palavras está muito relacionada com o momento em que a sociedade se encontra”, diz o diretor-geral da Editora Positivo, Emerson dos Santos. Segundo ele, palavras como “empoderamento”, “política”, “racismo” e “microcefalia” expressam temas que estão sendo discutidos pela sociedade. Santos afirma que provavelmente esses termos foram procurados por quem queria compreender seu significado e não para descobrir qual era a grafia correta.

Fonte: Gazeta do Povo 

 

 

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você