[ editar artigo]

Empreendedora das MUITAS Letras

Por Kátia Nascimento

Alguns fatos na vida nos levam pra lá ou pra cá. Podemos escolher, certamente, deixamos tudo acontecer ou tomamos decisões as quais tudo mudará da água pro vinho.

Não é preciso saber muito para perceber que a educação no Brasil, de um modo geral, está caótica. Sim, sou professora desde os anos de 1980 e naquela época já discutíamos sobre aonde tudo iria parar. Mas parece que isso não foi pauta de reuniões políticas que fizessem realmente a diferença. O resultado está aí para todos assistirem de camarote.

Sou professora universitária nos anos de 1990, foi quando passei a ter uma visão diferente sobre a educação. E essa visão me fez querer me inserir em políticas públicas (pensei que fosse fácil, só precisava ter boa vontade!), queria muitas coisas, queria e queria.

As licenciaturas antigamente não ensinavam para que o aluno fosse um empreendedor. Na minha formação em Letras, estudei para ser professora de Língua Portuguesa, Língua Espanhola ou Literatura das respectivas línguas.

Puxa vida! Eu queria mais (e até hoje quero!). Mestrado e Doutorado em Letras, cada vez mais vai afunilando e ficamos a mercê de pesquisas e sala de aula e educação brasileira etc etc etc.

Mas em 2007 fui convidada para fazer revisão dos textos que eram traduzidos do inglês e iriam para um site que logo estaria no ar. Muito dinheiro foi investido nesse trabalho. A intenção da empresa era se tornar um site de busca como o Google (claro que não deu certo!). Mas eu fiquei 7 meses fazendo aquelas correções e ganhando uma mixaria para isso, porque alguém pensou que somente uma pessoa formada em Letras poderia fazer esse trabalho.

Bingo! Isso era o que eu precisava. Ora, se nada é publicado (via internet ou impresso) sem um revisor, por que não poderia fazer esse trabalho? E poderia fazer mais, revisão, tradução, em várias línguas, produção textual, afff muitas linguagens... ah!!! Muitas letras!!!

Aí surgiu a Muitas Letras. Empresa que trabalha com linguagens.

Pensa que é fácil? Não é. Mas há um quê de orgulho quando penso que as pessoas, desde 2009, sabem o que é e como trabalha a Muitas Letras, idealizada por mim. E mais, hoje incentivo os meus alunos a serem empreendedores do saber que eles adquiriram na faculdade de Letras. Afinal, são muitos, devem aproveitá-los.

Vamos nos falando, letras é comigo mesmo. Ah! Muitas letras!

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você