[ editar artigo]

Falta coragem para empreender?

Cada vez mais mulheres sentem vontade de dar uma guinada na vida empreendendo. Não mais por necessidade e sim por opção. Para ganhar mais satisfação, jogo de cintura e liberdade de ação. E as grandes empresas que ainda trabalham no estilo “moedor de carne”, ou que promovem só homens aos cargos de liderança, estão colaborando para perder talentos femininos para o empreendedorismo.

Fonte de Imagem: Google

A questão é como tirar do caminho as inseguranças diante do novo. Ou como sair da zona de conforto, da “caixinha” para tentar algo diferente, mas que exige enorme esforço pessoal. Que bom que o pensamento tem poder infinito, mexe com o destino, cria uma expectativa positiva que favorece o processo de vitória. Satisfação chama satisfação.

“Só o que está morto não muda!”, avisou a escritora Clarice Lispector. O músico Gabriel, o Pensador também proclamou: “Na mudança do presente a gente molda o futuro...” Na verdade, sem mudanças não teríamos chegado até aqui, e elas ficaram mais rápidas e necessárias. Digamos que você tenha uma ideia de negócio. Se demorar demais para se decidir, ou planejar por anos a fio, pode ver outro mais arrojado concretizar a mesma proposta. Ai, meu Deus!

A coragem é amiga da preparação e da confiança de atingir objetivos, segundo meu amigo Eduardo Carmello, palestrante como eu, que lança este mês o livro Gestão da Singularidade. Além disso, prepare-se para os solavancos inerentes ao desafio de empreender sendo resiliente. Mudar é sempre um trabalho corajoso e disciplinado de programar, agir, verificar as etapas conquistadas, buscar novas alternativas, atuar positivamente mesmo quando tropeça.

Desenvolva quantos ciclos forem necessários para alcançar os resultados que deseja. Seja mudar um hábito (como comer melhor ou menos), seja mudar de funcionária à empresária. Gosto tanto de falar de mudanças que montei uma palestra. Estarei este mês de outubro em Manaus falando sobre como mudar hábitos. Espero encontrar uma plateia bem corajosa!

Joyce Moysés é consultora e jornalista especializada em comportamento e carreira, escritora e palestrante para/sobre mulheres. Fez vários cursos nas áreas de gestão e liderança, como o de Gestão de Negócios no Insper. Nos últimos 25 anos trabalhou nas revistas Nova e Claudia, e já escreveu artigos para Alfa, Máxima, Você S/A... Em 2010, participou do lançamento do Movimento Habla, para mapear tendências de comportamento das mulheres. Em 2012, coordenou o Prêmio Claudia e editou Claudia Noivas e Claudia Bebê. MULHERES DE SUCESSO QUEREM PODER… AMAR é seu primeiro livro. Atualmente faz palestras, produz conteúdo para publicações impressas, multimídia e eventos, escreve seu segundo livro, participa de programas de tevê e é parceira do projeto De Peito Aberto.

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você