[ editar artigo]

Minha história - Regiane Rezende

“Desempregada, você? Relaxa, com o currículo que tem rapidinho você volta para o mercado.” Essa era a frase que eu mais escutava há 04 anos quando passei por esse trauma “Roberto Justus” na minha vida e por 02 anos a “bendita” me acompanhou. Tentei voltar para o mercado, mas nada. Até vagas foram canceladas, quando eu chegava ao final de um processo seletivo, pode? Só comigo acontece isso. Tudo conspirava para eu empreender. Sem recursos para arcar com as despesas fui perdendo tudo. Como empreender nessa situação?

Fonte da imagem: Arquivo pessoal

Em paralelo a minha busca frenética por um emprego, fui buscar informações sobre o mundo dos negócios e empreendedorismo. Descobri que sempre fui uma pessoa intraempreendedora, isto é, sempre estava “inventando moda” no meu dia a dia de vida corporativa. 

Em meados de 2011, comecei a ficar desesperada. Nada de voltar para o mercado, nada dos projetos saírem do papel, perdia uma coisa aqui, outra ali e nada acontecia. Então decidi ser babá do meu sobrinho e pedi a Deus: “Se é pra eu tocar esse monte de coisa que está no meu colo, por favor, me manda uma carta, um recado, faz sinal de fumaça, envia um post-it, sei lá, mas faz alguma coisa! Não aguento mais! Amém!” Até então eu já tinha um CNPJ que nunca consegui encerrar, vários sonhos, vários projetos no papel e na cabeça, e uma vontade e força de vencer que nem sei de onde eu tirava. Olhando para o passado praticamente tudo que eu quis eu conquistei: fiz faculdade, fiz vários cursos, ajudei minha mãe e meus irmãos, casei, fui mãe (não necessariamente nessa ordem) e cresci profissionalmente. Por que iria ser diferente naquele momento? No dia que comecei a ser babá, recebi um contato e fechei uma consultoria. Pedi demissão no meu primeiro dia de trabalho e daí em diante as pessoas foram aparecendo na minha vida e tudo foi acontecendo.

Quem sou eu? Onde estou? Pra onde vou? Você já se fez essa pergunta? Eu também já fiz. Há alguns meses tive a experiência de fazer um processo de coaching e testes de comportamento e acabei me descobrindo como Empreendedora Criativa e Netweaver. Empreendedora Criativa? Net o quê? Calma, nada de “tipo Net”, ok? Empreendedor criativo é o cara (ou a mina, no meu caso) que aplica a criatividade para desenvolver uma ideia ou um projeto, engajando pessoas em redes, de forma compartilhada, preocupada com o futuro do planeta e das próximas gerações, com uma pitada artística; e Netweaver é (tradução ao pé da letra): Net = rede e Weaver = tecelão. Resumindo conectar pessoas.

E falando em conectar pessoas o Empreendedorismo Rosa é fantástico! Conheci o ER através da Lorena Gurjão, colunista aqui e minha aluna na France Image Coaching. Viramos amigas, parceiras em negócios e “cumades” de cafés, cafés e mais cafés. Adoramos cafés! Por isso também AMO os Cafés com pRosa. Já participei das 02 edições em São Paulo e indiquei pessoas, que participaram do café, para amigos, pois acredito que muitas parcerias e negócios sairão desses cafés. Não percam o nosso próximo encontro. Tem cheirinho de coisa nova pintando no ar... Hummmmm...

Regiane Rezende é Empreendedora Criativa e Netweaver. Formada em Comunicação Social pela UNIP, especializada em Telemarketing pela FAAP e pós-graduada em Qualidade e Produtividade e Administração de Serviços pela FV-Poli-USP. Proprietária da RR-Assessoria, Consultoria e Gestão Empresarial que tem como foco o desenvolvimento do capital humano. Representante e coordenadora dos cursos de formação Internacional de Consultor e Coach em Imagem da France Image Coaching em todos os países que falam a língua Portuguesa. Proprietária da marca ICThUS®  marca de produtos ecologicamente corretos. Embaixadora no Brasil do projeto Beleza Responsável que visa combater o  conceito irreal da beleza perfeita.

Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa
Empreendedorismo Rosa Seguir

Valorizamos a mulher e todo seu universo pessoal e profissional. Inspiramos pessoas a realizarem ações empreendedoras e intraempreendedoras, contribuindo para um mundo mais inovador e produtivo. Acreditamos que toda mulher pode fazer acontecer!

Ler matéria completa
Indicados para você