[ editar artigo]

Prêmio WEPs Brasil 2019

Prêmio WEPs Brasil 2019

Nos dias 07,08 e 09 de outubro deste ano, a ONU Mulheres, a Organização Internacional do Trabalho (OIT), a União Europeia (UE) e empresas de diferentes setores econômicos estiveram reunidas, em São Paulo, para promover uma série de debates sobre o empoderamento econômico das mulheres e o papel das empresas com a igualdade de gênero no Fórum WEPs 2019. O evento aconteceu no âmbito do Programa Ganha-Ganha: Igualdade de gênero significa bons negócios, uma iniciativa realizada pela ONU Mulheres e OIT, em parceria e com o financiamento da União Europeia em seis países: Argentina, Brasil, Chile, Costa Rica, Jamaica e Uruguai.

Eu fui uma das avaliadoras voluntárias, com a missão de realizar visitas técnicas nas empresas participantes. Este ano foram 68 empresas participantes. O trabalho foi rico e empoderador. É extremamente gratificante observar que as pessoas estão saindo do mundo das ideias e as colocando em prática. É um chamado à ação pela transformação social.

Aqui trago informações que foram tema de discussão e avaliação:

O apoio da alta gestão para igualdade de gênero e direitos humanos.

Ferramenta de diagnóstico de igualdade de remuneração.

Igualdade de remuneração.

Desenvolvimento das ofertas nas compras.

Comunicação com perspectiva de gênero.

Políticas de tolerância zero contra todas as formas de violência no trabalho.

Licenças parentais e apoio às atividades de trabalho não remuneradas.

Esta é a conexão das empresas e da sociedade civil em busca de nada mais, nada menos do que dos direitos das mulheres, legalmente previstos na Constituição Federal. Espanta o fato de alguns ainda não terem esta consciência. Por isto, se sua empresa e você, querem ser signatários dos WEPS, sigla que significa: Women's Empowerment Principles (Princípios de Empoderamento das Mulheres), venham fazer parte desta jornada.

Implementar políticas estratégicas nas empresas é mandatório, estes são os 7 princípios:

E depois de ir a campo, colher as evidências, ouvir as autoridades mundiais no assunto e conviver com homens e mulheres que trabalham ativamente e em profundidade, que faremos muito para acelerar o processo, pois conforme o relatório do Fórum Econômico Mundial (FEM), estima-se que a lacuna global entre os gêneros em várias áreas, demorará mais de 200 anos para eliminar as diferenças no local de trabalho. A sociedade urge a mudança, pois somos 52% do total da população brasileira.

A hora é agora, venha fazer parte desta mudança! Acesse: http://www.onumulheres.org.br/referencias/principios-de-empoderamento-das-mulheres/

Empreendedorismo Rosa
Andressa Ramos dos Santos
Andressa Ramos dos Santos Seguir

Advogada, construtora de caminhos e soluções no ecossistema empreendedor.

Ler matéria completa
Indicados para você